Fiquei com vontade de escrever isto…

Num dos últimos congressos em que estive conheci um grego americano (é grego, mas acho que está há vários anos nos Estados Unidos), de quem não me recordo o nome – acho que apenas o soube no instante em que mo disse, assim a jeito de memória de curto prazo. 

Mesmo não me lembrando  do nome dele, nem as circunstâncias pelas quais conversámos, recordo-me de uma frase. Apenas e só esta frase.

“If I dont wake up every day with The Will of changing The world, why should I wake up?”

Fiquei a pensar que apenas um americano poderia dizer isto. Eu acordo todos os dias com sono. Na maior parte dos dias o sono passa umas 2h depois de ter acordado. Outros dias demora mais tempo. Tenho a vantagem de ter um trabalho de que gosto. Por vezes é stressante. Por outras gratificante. Mas na generalidade dos dias é apenas mais um dia. Não penso que vou mudar o mundo é já fico feliz por pensar que posso contribuir para o sorriso de algumas pessoas.

Ter a ambição de mudar o mundo parece-me algo tão “lugar-comum”. Malthus no sec. XIX alertava para o facto da espécie humana ser a única com crescimento exponencial enquanto que as outras se mantinham estáveis. Ele dizia que as guerras, epidemias e outros eventos eram um mal necessário para a sobrevivência das espécies. Uma forma de competição em que sobrevivem os mais aptos.

Este mundo novo, para o qual ainda não acordei, traz o narcisismo associado. A China deixará de ter a mão de obra barata. Segue-se África. Mas África tem nela tantas Áfricas. E, do pouco que conheço, sei que em nenhuma delas se encontra a subserviencia de robots humanos que em tempos caracterizou a Ásia. 

Trump fala de “produzir” nos Estados Unidos… hum… quero ver como é que vão produzir a baixo custo! Além disso a China tem o monopólio do plástico – matéria imprescindível para as escolhas que fizemos. O silêncio da China -e dos jornalistas sobre a China – faz-me pensar no inverso do “cão que ladra não morde”!

We’ll see…

One response to “Fiquei com vontade de escrever isto…

  1. Boa tarde Paula
    À medida que Trump vai cumprindo as promessas que fez, a comunicação social vai tomando consciência que a informação que ela transmitiu, como uma “maluquice”, era, de facto, muito séria.
    Comecei a simpatizar com o Trump desde que denunciou o apoio dado ao terrorismo pelos Clintons/Obamas/França/Inglaterra/Alemanha/etc. até os tugas apoiaram essa política desastrosa do ataque à Líbia e à Síria (entre outros). Outra que aplaudi fortemente foi a denúncia da manipulação vergonhosa da informação pela maioria dos mass media americanos (e europeus, digo eu).
    Claro que nunca esquecerei que o Trump é um multimilionário e que servirá, obviamente, vários lóbis. Mas até nisto os EUA sempre foram claros, não é proibido um senador apoiar um lóbi desde que o anuncie publicamente, assim, todos ficam a saber o que ele defende. É claro, é simples e objectivo.
    Se Trump mantiver a teoria, primeiro os EUA, o resto do mundo logo se vê, julgo que será benéfico para todos os países, ou seja, cada um que trate de si e deixe os outros em paz! Parece ingenuidade excessiva… talvez não seja, digo eu.
    Quanto à mão de obra barata, na minha opinião, associada erradamente à competitividade, não me parece que tenha alguma importância nesta política “nacionalista”, uma vez que os EUA já entraram na era da robótica. Por outro lado, gostaria que alguém me dissesse qual é o produto alemão que é competitivo no mercado internacional? Na minha opinião, nenhum! Aliás, a etiqueta – Made in Germany – por si só, é um valor acrescentado para qualquer produto alemão.
    E os perfumes da Chanel et da Hermès são competitivos? 🙂

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s